segunda-feira, 5 de dezembro de 2016

Ledman Liga Pro: AD Fafe, 1 - FC Vizela, 1 [Fafe fez mais pela vitória]


Texto e fotos: João Carlos Lopes 

Ainda não foi desta

Ainda não foi desta que a AD Fafe conseguiu vencer um jogo em casa emprestada, ao empatar com o FC Vizela a uma bola, ainda que tenha feito mais pela vitória. 

O Fafe apostou praticamente na mesma equipa da semana anterior apenas metendo Pedro Pereira a titular, em relação ao jogo com o Benfica. 

A equipa de Agostinho Bento entrou praticamente a vencer com Vasco Cruz a insistir e a cruzar atrasado para Silvestre encostar aos 5’ de jogo. Reagiu o Vizela e conseguiu igualar aos 22’, através de Lamelas, que aproveitou uma bola que saiu prensada de um alivio com os punhos de Ricardo Fernandes. Depois disso ambas as equipas tiveram remates à baliza mas sem a alvejar. 

Na segunda parte o jogo perdeu qualidade e depois de um período de marasmo o Fafe assumiu o jogo e o Vizela retraiu-se mas, apesar da vontade do Fafe em atacar e do Vizela estar a defender, a qualidade do jogo não foi elevada. Na segunda parte, o Fafe rematou mais e fez mais pela vitória, enquanto que o Vizela abdicou praticamente do ataque e não conseguiu ligar o seu jogo. 



1.ª PARTE 



Foi respeitado um minuto de silêncio pelas vítimas do acidente aéreo do Brasil que dizimou a equipa do Chapecoense.



5' - [1-0 SILVESTRE] Vasco Cruz não desistiu de uma jogada, insistindo até à última, os jogadores do Vizela estavam a pedir que a bola estava fora mas o lateral direito fafense não se intimidou e serviu Silvestre para este encostar para o golo. 



8' - Árbitro deu ordem de expulsão a Ricardo Soares, treinador do FC Vizela. 



10' - Canto para o Vizela, Ricardo Fernandes tirou a bola, no seguimento da jogada Kukula cabeceou por cima.



13' - Guarda-redes Pedro Albergaria lesionou-se sozinho, ao ficar com o pé preso na relva e acabou por ser substituído por Paulo Ribeiro.

18' - Livre directo, Ferraz rematou Ricardo Fernandes esticou-se e evitou o golo.

22' - [1-1 LAMELAS ] Cruzamento de João Pedro, Ricardo Fernandes não aliviou a bola devidamente, sobrou para Lamelas que aproveitou para empatar.

27' - Depois do golo, Vizela cresceu e começou a rondar mais a baliza do Fafe.


32' - Remate de João Pedro para defesa apertada para canto de Ricardo Fernandes.

35' - Praticamente desde a substituição do guarda-redes do FC Vizela que o Fafe não consegue criar perigo.

39' - Livre para o Fafe, lateral perto do bico da área, Pedro Pereira, rematou em jeito saiu perto do segundo poste,não muito longe da baliza.

43' - Elizio foi assistido depois de ter travado Alla Júnior em falta. Silvestre bateu a falta para a entrada da área e Pedro Pereira rematou com a bola a sair muito perto do poste da baliza de Paulo Ribeiro.

45' - Cruzamento de João na esquerda, Paulo Ribeiro defendeu mas largou a bola que ficou à mercê de Allan Júnior que falhou com a baliza escancarada, enviando por cima.

Foram dados 3' de compensação.

45+1' - Canto para o Vizela, com Kukula a aparecer na área e a rematar de cabeça, foi à figura de Ricardo Fernandes.


2.ª PARTE

46' - Não houve alterações ao intervalo.

52' - Primeiros minutos da segunda parte sem grandes motivos de interesse e sem qualquer remate à baliza.


58' - Livre na intermediária, junto à linha lateral, bateu Jota para perto da baliza, aliviou a defesa vizelense.

63' - Saiu Pedro Pedro Pereira e entrou Leandro Borges no Fafe. 

64' - Canto para o Fafe, bateu Leandro Borges e a defesa do Vizela afastou. 

65' - Remate de fora da área de Leandro Borges saiu muito perto do poste. 

68' - Vizela a jogar retraído e Fafe a aproveitar para insistir junta da área forasteira mas sem criar muito perigo. 

70'- Livre ainda longe da baliza, bateu Jota para a área, afastou a equipa vizelense que já há muito não dá que fazer a Ricardo Fernandes.

71' - Canto para o Vizela, Tiago Martins cabeceou ao lado. 

74' - Canto de Leandro Borges, Xavi de cabeça a não conseguir o enquadramento.

76' - Remate forte de Kukula saiu directo a Ricardo Fernandes que encaixou. 

77' - Saiu Jota e entrou Marquinhos na AD Fafe. 

85' - O Fafe procura o golo mas o Vizela tapa os caminhos da baliza. 

88' - Cruzamento de João Nogueira, cabeceamento de Marco André à figura. 

90' - Livre a cerca de dez metros do bico da área na perpendicular, bateu João Nogueira, socou Paulo Ribeiro.

90+3' - Livre paralelo à linha da área, mais ou menos a meio 



Jogo no Estádio Dr. Machado Matos, em Felgueiras.
Árbitro, Manuel Mota, auxiliado por José Gomes e Pedro Fernandes (AF Braga)

AD FAFE: Ricardo Fernandes; Vasco Cruz, Lytvyn, Xavi, João Carneiro, André, Marco André e Silvestre (João Nogueira, 87’), Pedro Pereira (Leandro Borges, 64’), Jota (Marquinhos, 77’) e Allan Júnior. Treinador, Agostinho Bento.


FC VIZELA: Pedro Albergaria (Paulo Ribeiro, 16’), João Pedro, Miguel Oliveira, João Cunha, Elízio, Tiago Martins, Luís Ferraz, Homero (Alex Porto, 76’), Diogo Lamelas, Kukula e Mário Mendonça (Tiago Ronaldo, 90+4’). Treinador, Ricardo Soares




LANÇAMENTO DO JOGO 

Fafe e Vizela voltam a defrontar-se no Estádio Dr. Machado de Matos, depois de terem efetuado no mesmo campo o primeiro jogo oficial da época para a Taça CTT, em que os Vizelenses venceram por uma bola a zero e eliminaram o Fafe. Nesta altura, apenas três pontos separam as duas equipas na Ledman ProLiga, com vantagem para os vizelenses, mas o Fafe está à espera de vencer duas vezes seguidas para ter o click que lhe falta e ainda quebrar a malapata de ainda não ter ganho na sua casa emprestada.

Na jornada anterior o Vizela empatou em casa a uma bola com o União da Madeira, enquanto o Fafe, depois de ter sofrido três resultados dilatados foi vencer ao Seixal o Benfica B por uma bola a zero. Agostinho Bento mexeu no onze nessa deslocação à margem sul do Tejo e parece querer entrar numa nova era esta temporada. Este jogo encerra a 17.ª jornada e os fafenses querem ver o Fafe a vencer sob um luar de quarto crescente para que a equipa possa crescer também a partir daqui e subir vários lugares na tabela classificativa, o que sucederá em caso de vitória. Nesta altura o Vizela é 13.º com 21 pontos e o Fafe 18.º com 18. Se o Fafe ganhar deve subir pelo menos ao 14.º lugar. Já o Vizela se vencer pode chegar pelo menos ao 9.º lugar. Falta dizer que em caso de empate o Fafe pode chegar a 16.º e o Vizela a 10.º lugar.

ÚLTIMA HORA: Paulo Soares já não é treinador da ACD Pica

Texto e foto: João Carlos Lopes 

Alegou motivos pessoais e profissionais

O técnico Paulo Soares já não é treinador da ACD Pica, porquanto alegou motivos pessoais e profissionais para abandonar o cargo. A direcção do Clube fez tudo para demover o técnico mas não conseguiu com que ele voltasse atrás.

A Direcção da Pica agradece os dois anos que o treinador serviu o Clube e revela que de momento ainda não tem substituto, pelo que a equipa deverá ficar entretanto a cargo do treinador adjunto Ismael Sousa. 

Futsal - Iniciados AF Braga: Nun'Álvares, 4 - AD Fafe/ACR Fornelos, 2 (Hat-trick de Gonçalo)

Texto e foto: João Carlos Lopes 

Um dérbi muito frenético

O dérbi de iniciados em Futsal entre o Nun'Álvares e a AD Fafe/ACR Fornelos, foi deveras empolgante e com indefinição no resultado até ao apito final. Ambas equipas proporcionaram um espectáculo emocionante, perante uma boa assistência no Pavilhão do Grupo Nun'Álvares. 

O Fafe entrou muito motivado para este jogo e colocou-se em vantagem através de um golo de Nuno. A equipa de Xavi Cunha podia até ter marcado o segundo através de Diogo mas Tiago esteve bem e sempre tento na baliza.

Tiago Lopes esteve perto do empate para o GNA mas Bruno, a jogar contra a sua anterior equipa, negou-lhe o golo. Ainda anates do intervalo os Condestáveis haveriam de reduzir para 1-2 através de Gonçalo. 

Na segunda parte o jogo frenético manteve e Diogo esteve novamente à beira de marcar para o Fafe, mas seria o GNA a concretizar, novamente através de Gonçalo que bisava na partida. 

O Fafe respondeu bem e voltou a ter oportunidade para alvejar a baliza nunalvarista, primeiro por Diogo e depois por Rui Silva.

O GNA viu a bola bater no poste após remate de Hélder mas pouco depois Serginho descobriu o buraco entre o guarda-redes e a baliza e colocou o GNA pela primeira vez na frente. Serginho que esteve perto de marcar novamente quase de seguida. Mas do outro lado Diogo também podia ter feito o empate para o Fafe. 

Já quase a acabar e numa tarde de grande inspiração, Gonçalo fez o hat-trick e arrumou as contas a favor do Nun'Álvares. 

O líder viu-se e desejou-se para vencer um Fafe que não merece estar nos lugares debaixo da tabela classificativa e que tem futsal para vir a melhor muito a nível de resultados. 

Na próxima jornada o Nun'Álvares desloca-se a Braga para jogar com o Nogueiró, enquanto a AD Fafe/ACR Fornelos vai descansar. 

Jogo no Pavilhão do Grupo Nun'Álvares, em Fafe. 

NUN'ÁLVARES: Tiago, Ceiras, Serginho (1), Gonçalo (3), Hélder, Guilherme, João Pedro, Afonso, Pedro Maria, Tiago Lopes, Ruben e Fabinho. Treinador, Luís Miguel Barros. 

AD FAFE/ACR FORNELOS: Bruno, Zé Pedro, Rui Silva (1), Rafa, Jorge, Machado, Martins, Pimenta, Nuno (1), Bruno Cunha, César e Diogo. Treinador, Xavi Cunha. 

domingo, 4 de dezembro de 2016

Futsal Fem. AF Braga: Clube Saúde Fafe, 3 - GD Pedralva, 1 (Bom começo de 2.ª volta)

Texto e foto: João Carlos Lopes

Serpentes mordem mais três pontos

O Clube de Saúde de Fafe começou a segunda volta da temporada a vencer na recepção ao GD Pedralva, tendo ganho às bracarenses por 3-1. 

As serpentes fafenses foram para o intervalo com a vantagem de um golo, graças ao golo de Vânia apontado aos 17' 

Na segunda parte meninas da Saúde elevaram para 2-0 por Rutisco aos 44' e chegaram aos 3-0 com golo de Cátia, aos 48'. 

A equipa bracarense reduziu numa desconcentração defensiva das fafenses tendo marcado numa transição aos 59'.

O CSF foi a equipa que mais procurou a vitória e mostrou mais argumentos para a alcançar, merecendo o resultado obtido.

Na próxima jornada o CSF desloca-se à Póvoa de Lanhoso para defrontar o SC Maria da Fonte.

Andebol – Análise de fim de semana da formação do AC Fafe

Texto: Diogo Gonçalves 

Iniciados femininos entram na Fase Final 
do Campeonato Regional com duas vitórias 

No último feriado (1 de Dezembro) e fim-de-semana, os Iniciados femininos do AC Fafe arrecadaram duas importantes vitórias na estreia para Fase Final; os Juvenis masculinos venceram um jogo e perderam na Póvoa de Lanhoso; os Infantis perderam, os Iniciados masculinos “A” e “B” perderam ambos e os Juniores femininos foram a Riba d’Ave perder.

No feriado as Iniciadas femininas jogavam contra o ABC de Braga para a 1.ª Jornada do Campeonato. Uma partida em que as bracarenses dominaram na 1.ª parte, mas na segunda, o AC Fafe conseguiu empatar o jogo aos 8', tendo aos 11´conseguido a vantagem de 10-9. A partir daí, a equipa fafense conseguiu estar sempre na vantagem no marcador, acabando o jogo com uma vitória merecida por 14-13.

AC Fafe: Filipa Henriques, Ana Araújo (1), Laura Cardoso, Beatriz Teixeira (3), Sara Freitas (1), Beatriz Henriques, Beatriz Pinto (2), Lara Costa, Petra Silva (7), Marta Ribeiro e Sara Silva. Treinadora, Sofia Silva 

Os Juvenis masculinos tiveram durante a tarde de quinta feira um jogo muito equilibrado no Pavilhão Municipal contra a ADA Maia/Ismai, tendo sido uma partida equilibrada todo o primeiro tempo, mas já na 2.ª parte os fafenses conseguiram ganhar vantagem e a partir daí estiveram sempre na frente do marcador, conseguindo assim arrecadar os três pontos. No final do encontro o marcador registava 25-22.

AC Fafe: José Cunha, Rui Costa, João Henriques, Francisco Oliveira (2), João Costa, João Pereira (7), José Lemos, Moisés Costa (2), Tiago Ribeiro (6), Fernando Gomes, Rui Gonçalves, João Soares (4), Francisco Mendes (4), Ricardo Pereira e Francisco Ribeiro. Treinador, António Martins

No fim-de-semana, os Infantis masculinos foram os primeiros a jogar, o BECA era o adversário dos fafenses. Na fase inicial, o jogo esteve equilibrado, mas aos poucos a equipa de Celorico de Basto ia conseguindo ganhar vantagem no jogo, terminando 18-22 para o BECA, apesar do Fafe ter feito um bom jogo.

AC Fafe: Pedro Gomes, Rafael Silva, Victor Ribeiro, Gonçalo Pires, Paulo Faria, Ricardo Leite (1), Pedro Martins, Leonel Freitas (9), Luís Fernandes (3), José Fernandes, Tomás Ribeiro (5), Albino Gonçalves e Nuno Marques. Treinador, Alexis Oliveira 

Os Juvenis masculinos, foram jogar no sábado, com o Póvoa de Lanhoso. Um jogo que decorreu de uma forma geral má para o AC Fafe pois estiveram muito tempo em desvantagem, no intervalo a equipa de Fafe já perdia por 11-8, acabando 24-19.

AC Fafe: José Cunha, Rui Costa, João Henriques, Francisco Oliveira, João Costa (2), João Pereira (7), José Lemos, Moisés Costa (5), Tiago Ribeiro (1), Fernando Gomes (1), João Pires, Rui Gonçalves, João Soares (1), Francisco Mendes (1), Ricardo Pereira (1), Francisco Ribeiro. Treinador: António Martins

No domingo as Iniciadas femininas jogaram contra o Godim no Pavilhão Municipal. A equipa fafense fez uma grande 1.ª parte conseguindo ir para o intervalo a vencer por 13-6. Na 2.ª parte as fafenses baixaram um pouco o ritmo de jogo, mas conseguindo vencer o Godim por 19-15. Uma nota muito positiva para esta época das Iniciadas que em 12 jogos desde o início da época ainda não perderam.

AC Fafe: Filipa Henriques, Ana Araújo, Laura Cardoso, Beatriz Teixeira (2), Sara Freitas (4), Beatriz Henriques, Beatriz Pinto (2), Lara Costa (1), Petra Silva (10), Marta Silva e Sara Silva. Treinadora, Sofia Silva

Os Iniciados masculinos “B” deslocaram-se a Braga para defrontar o Arsenal Clube da Devesa num jogo em que o AC Fafe não consegui controlar, estando quase sempre em desvantagem no jogo todo. O encontro terminou com uma vitória para os arsenalistas por 45-19. 

AC Fafe: Ficha de jogo não disponível

Os Iniciados masculinos “A” foram a Guimarães defrontar o Xico Andebol “A” de onde saíram derrotados. Os fafenses não tiveram um bom jogo e acabaram por perder por 35-17. No próximo fim-de-semana (domingo) os fafenses jogam com o SVR Benfica no Pavilhão Municipal de Fafe às 15h.

AC Fafe: Diogo Gonçalves (1), Eduardo Lopes (1), Diogo Novais (1), Vítor Pereira (6), Ricardo Barros (1), Jorge Pereira (1), Válter Ferreira (4), Eduardo Leite, Gonçalo Oliveira, José Ferreira (2), Diogo Freitas e José Fernandes. Treinador: Paulo Camelo

As Juniores femininas jogaram contra a AA Didáxis para o Campeonato Nacional. Na primeira parte, o jogo foi equilibrado mas a equipa de Riba d’Ave conseguiu ir para o intervalo a ganhar por 12-8, na 2.ª parte as fafenses não conseguiram inverter o resultado terminando o jogo em 22-16 para a equipa da casa.

AC Fafe: Júlia Soares, Maria Pinto, Mariana Teixeira, Ana Lobo (1), Sara Freitas, Joana Freitas, Eva Santos, Diana Machado (3), Tatiana Pereira, Joana Bento (1), Paula Gonçalves (7), Cláudia Marques (3) e Ariana Pereira (1)

Futsal Fem. - Juniores AF Braga: FC Vermoim, 2 - Nun'Alvares, 1 (Dez bolas no ferro)

Texto: João Carlos Lopes / Foto: DR 

Faltou alguma sorte com tanta bola na trave e no poste

As juniores do Grupo Nun'Álvares sofreram a primeira derrota da temporada na viagem que fizeram a Famalicão para defrontar o FC Vermoim, com quem perderam por 2-1. 

A equipa orientada pela Professora Manuela Trigo esteve muito apagada na primeira parte em que fez poucos remates à baliza, tendo o intervalo chegado sem golos. 

Na segunda parte o GNA só acordou quando sofreu golo, por volta dos 12 minutos. Reagiu e ainda chegou à igualdade a um com golo de Leninha de penalti, muito bem marcado. Depois o GNA esteve por cima da equipa adversária que num contra-ataque marcou o 2-1 e venceu a partida.

De referir que na segunda parte entre bolas aos postes e à trave foram dez. A equipa do GNA jogou muito bem nos últimos 15 minutos da segunda parte mas não conseguiu marcar golo.

NUN'ÁLVARES: Leninha (1), Beatriz, Inês , Rita, Ju Lima, Rafaela, Guida, Bárbara, Andreia, Maria Catarina,, Catarina, Marta. Equipa técnica: Manuela Trigo, Ivone Castro e Elsa Costa. 

1.ª Div. AF Braga: GD Mosteiro, 3 - GD Fareja, 3 (Faltou segurar vantagens)

Texto e foto (aqruivo): João Carlos Lopes 

Sempre na frente até ao penúltimo lance 

O GD Fareja foi a Vieira do Minho empatar a três bolas com o GD Mosteiro em jogo da 11.ª jornada da Série D do Campeonato Distrital da segunda divisão, somando pela segunda vez esta época dois resultados consecutivos depois de vencer o Cavez em casa por quatro a dois. 

Foi a equipa de Hélder Oliveira a adiantar-se no marcador com um golo de Zé Pinto e os ferroviários ainda elevaram a vantagem para 0-2, com golo de Chinelo. Porém, ainda antes do intervalo a equipa do Mosteiro reagiu e reduziu para 1-2 quando faltavam dois minutos para o intervalo. 

Na segunda parte o Fareja voltou a colocar a vantagem em dois golos com o 1-3 de Fábio. A jogar em casa, o Mosteiro nunca desistiu do jogo e a meio da segunda parte reduziu para 2-3. Depois a sua persistência deu frutos pois no penúltimo lance do jogo chegaram à igualdade. 

O Fareja esteve duas vezes com uma vantagem confortável de dois golos mas não a conseguiu guardar, tendo estado bem perto de conseguir aqui a segunda vitória fora de portas. 

Na próxima jornada os ferroviários vão receber a aguerrida equipa vimaranense do Berço. O campeonato continua a ser liderado pelo CD Celoricense

1.ª Div. AF Braga: Arco Baúlhe, 2 - GD Silvares, 1 (Rik traído duas vezes)

Texto e foto (arquivo): João Carlos Lopes 

Desvios favoreceram o arco 

O GD Silvares foi ao recinto do Arco de Baúlhe, equipa orientada pelo fafense Professor Eugénio Carvalho, perder por 2-1 ficando agora com os mesmos pontos do seu opositor deste jogo.  

Num jogo equilibrado, o Arco de Baúlhe inaugurou o marcado aos 26', num remate que bateu na cara de Carneiro e traiu o guarda-redes fafense, Rik, com a bola a acabar por entrar e a manter-se o resultado até ao intervalo. 

Na segunda parte, a equipa silvarense entrou bem na partida sempre à procura do golo do empate que surgiu aos 68', após cruzamento tenso de Vitamina, Moura ao segundo poste encostou para o golo. 

A formação arcoense voltou a beneficiar de um desvio num jogador fafense aos 73', após remate de um jogador do Arco, a bola bateu em Mike e mais uma vez traiu Rik. 

O treinador do Silvares, PH, colocou mais mais jogadores na frente e fezum jogo mais direto, nos últimos dez minutos, mas sem surtir o efeito desejado.

No final PH referiu, "dou os parabéns aos meus jogadores pela entrega e atitude demonstrada em campo. Acho que o empate se ajustava ao que ambas equipas fizeram. Parabéns ao Arco que acabou por ser mais feliz.  Desejo boa sorte ao Arco e ao meu amigo Professor Eugénio para o resto da temporada."

Div. Honra AF Braga: Operário FC, 1 - ACD Pica, 0 (Tanta Pica e dá Operário)

Texto e foto (aqruivo): João Carlos Lopes 

Muito trabalho para nada

A ACD Pica foi a Famalicão perder com o Operário FC por uma bola a zero e com isso cair para o 3.º lugar da tabela classificativa, num jogo em que a inspiração do guarda-redes contrário, aliada a algum desacerto e também falta de sorte obstaram a que os fafenses tivessem no mínimo pontuado. De referir que no último minuto foi anulado um golo aos fafenses por pretenso fora de jogo, com o árbitro inicialmente a considerar o golo mas depois,por indicação do seu auxiliar a anulá-lo. 

A Pica entrou a jogar no meio campo do adversário mas sem criar muitas oportunidades de golo. Aos 16', quando André Jardim se encaminhava isolado para a baliza foi travado em falta à entrada da área, o que valeu a expulsão do jogador da casa. Se a jogada podia dar golo, do livre nada resultaria.

O Operário chegou ao único golo do jogo aos 20', numa situação de bola parada, em que a bola é metida a pingar na área e sofreu um desvio, traindo o guarda-redes Carlos. 

A Pica continuou a dominar o jogo e só sobre o intervalo é que o seu guarda-redes foi obrigado a intervir. 

Na segunda parte tudo parecia conjugar-se para que a Pica marcasse, quanto mais que aos 60', o Operário ficou reduzido a nove por acumulação de cartões amarelos de outro atleta. 

A formação de Paulo Soares tentou de diversas formas e feitos chegar ao golo mas ou por inspiração do guarda-redes ou por inércia dos seus atacantes a bola não quis entrar. Até que, quando finalmente entrou foi considerado, em segunda instância, fora de jogo.

Foi o quinto jogo sem vencer da ACD Pica. Nos últimos cinco jogos apenas somou três pontos. Recebe o líder S. Paio na jornada 14. 

Div. Honra AF Braga: Desportivo Ronfe, 0 - OFC Antime, 1

Juniores - 1.ª Div. AF Braga: OFC Antime, 1 - ACD Pica, 1 (Empate justo)

Texto e fotos: João Carlos Lopes 

Vitória ao alcance das duas equipas

O OFC Antime recebeu a ACD Pica em jogo da 10.ª Jornada do Campeonato Distrital da 1.ª Divisão, Série D e a partida terminou com uma igualdade justa a um golo, resultado que qualquer uma das equipas teve oportunidade de desfazer.

Foi o Antime o primeiro a criar perigo com David, de cabeça, quase debaixo da trave a atirar ao lado, na sequência de um canto.Na resposta, Coelho a não esticar o pé suficiente para chegar ao golo. 


Seguiu-se um período em que a Pica assumiu o jogo. Aos 18', Carlitos cobrou um livre que Nuno teve dificuldade em defender. Um minuto depois o mesmo jogador enviou ao poste após um lançamento lateral da Pica. 

O Antime teve possibilidade de marcar aos 22', com João a aparecer na área mas a ser estorvado na acção, tendo ficado os antimenses a reclamar grande penalidade, mas o lance a prosseguir e a dar canto. Nesta altura o Antime já tinha reequilibrado o jogo. 

Aos 37' os Operários tiveram um contra-ataque conduzido por Rui Miguel que tinha dois companheiros a pedir a bola mas o passe atrasado acabou interceptado. 

Aos 41', Tinoco disparou uma bomba de fora da área a que Nuno Freitas correspondeu com grande defesa. 

Sem golos ao intervalo o Antime começou melhor a segunda parte e aos 46', David não aproveitou uma emenda à boca da baliza. Porém, aos 48', o mesmo jogador chegou ao 1-0. Bola metida na frente, com David a aguentar a carga de um adversário e a levar o lance até à última para o remate final. 

A Pica respondia de livre, com Carlitos a chutar de longe e a bola a sair por cima aos 55'. O mesmo sucedeu a Marcelo do outro lado, três minutos depois. 

Aos 60', a o Antime ficou reduzido a dez por expulsão de José. No minuto seguinte Nuno Freitas travou o remate de Carlitos. 

Os Operário tiveram a oportunidade de dilatar a vantagem aos 68', quando João se isolou e podia tocar ao lado para David com a saída do guarda-redes mas optou pelo remate que Cris defendeu.

A Pica chegou à igualdade aos 70', com Vasco a emendar à boca da baliza. Na resposta, Marcelo, isolou-se mas atirou por cima. 

Nuno Freitas negou o golo da vitória à Pica aos 76' com uma grande defesa após cabeceamento de Coelho. 

Jogo no Parque de Jogos de Antime, Fafe. 


Árbitro, José Tinoco, auxiliado por Bruno Silva e António Barbosa. 
   
OFC ANTIME: Nuno Freitas; Bruno, Diogo, Óscar, André (João Diogo, 83'), Vítor, José, João, David (Zé Pedro, 76'), Rui Miguel (Paulo, 66'). Treinador, Zé do Salto. 

ACD PICA: Cris; Pinto (Rocha, 82'), Vasco, Panic, Bareira, Tinoco, Carlitos, Zé (Raul), Fábio, Leiras (Ruben, 66') e Coelho. Treinador, Ismael, Sousa. 

DISCIPLINA: Cartão amarelo - Panic, 52', Carlitos, 54, Zé 58' e David, 75'. Cartão Vermelho - José, 60. 

GOLOS: David, 48' e Vasco, 70'. 

Foto do plantel dos Juniores do OFC Antime 2016/17


Foto do plantel dos Juniores da ACD Pica 2016/17


Futsal S/M: Contacto Futsal, 5 - Nun'Álvares/IESFafe, 2 (Tudo correu mal)

Texto e foto (arquivo): João Carlos Lopes

Perda da liderança 

O Grupo Nun'Álvares foi a Cabeceiras de Basto jogar a oitava jornada do campeonato Distrital de Futsal Masculino, tendo perdido com a equipa do Contacto Futsal por 5-2, o que lhe valeu a perda do primeiro lugar para o CR Candoso que tem os mesmos 16 pontos mas menos um jogo e viu a AD Fafe/ACR Fornelos aproximar-se, com 13 pontos mas menos um jogo disputado.   
A equipa orientada por Hugo Oliveira começou a perder muito cedo pois sofreu o 1-0 aos 19 segundos numa perda de bola, que a equipa de Basto fez uma boa transição e fez golo. Nessa jogada Luís Paulo lesionou-se. O resultado manteve-se na vantagem mínima até ao intervalo. 

Logo a começar a segunda parte a equipa de Basto voltou a marcar e ao chegar ao 2-0 deixou tudo mais difícil para o GNA/IESF e mais complicado ficou com a expulsão de Tiago Nogueira, após ter visto o segundo cartão amarelo. Com os Condestáveis a jogar com menos um, 4x3, o Contacto aproveitou e conseguiu chegar aos 3-0. Já coma equipa reposta os fafenses sofreram o 4-0.

Hugo Oliveira apostou tudo no 5X4 a seis minutos do final. Mas nada parecia correr bem ao GNA/IESF que ganhou um penalti que Laureta falhou e imediatamente numa transição o Contaccto chegou ao 5-0.

Foi a jogar com o guarda-redes avançado que os fafenses reduziram para 5-1, através de Bertinho e depois para 5-2, por Bruno Maia.

Na próxima jornada o Condestáveis vão receber o Espinho Ativo no Pavilhão do Grupo Nun'Álvares.

Futsal Feminino AF Braga: Nun'Álvares/IESFafe, 3 - SC Maria da Fonte, 2 (Suado)

Texto e foto (arquivo): João Carlos Lopes 

Loira decidiu na recta final 

A equipa sénior de Futsal feminino do Grupo Nun'Álvares/IESFafe recebeu o SC Maria da Fonte e apesar se não ter tido uma tarefa fácil, venceu a formação do Concelho da Póvoa de Lanhoso por 3-2. 

A equipa orientada por Rui Cunha teve uma primeira parte de grande domínio, com boas transições e sempre com grande acerto defensivo, nunca deixando a adervesária criar oportunidades. Porém apesar do elavdo caudal ofensivo conseguiu marcar apenas dois golos, através de Mafalda
e de Verónica.

Na segunda parte, algum relaxamento por parte das Condestáveis permitiu à formação da Póvoa de Lanhoso igualar a partida a dois e acreditar que a vitória também podia pender para o seu lado. 

Foi a apenas 30 segundos do final da partida que Ana Loira repôs alguma justiça no marcador ao apontar o terceiro golo da equipa fafense. Neste segundo tempo, o Nun'Álvares/IESFafe criou várias oportunidades de golo mas sem sucesso. No entanto ainda foi a tempo de acumular os três pontos e somar por vitórias todas as nove partidas dipsutadas, o que lhe dá a liderança isolada. 

Na próxima jornada desloca-se a Barcelos para jogar com a AD Carvalhal. 

Div. Honra AF Braga: Emilianos FC, 0 - GCD Regadas, 1 (Cabeça de Fred)

Texto e foto (arquivo): João Carlos Lopes 



Regresso às vitórias dez jogos depois

Dez jornadas depois, o GCD Regadas regressa às vitórias e logo num campo tradicionalmente difícil, em Santo Emilião, na Póvoa de Lanhoso, onde bateu o Emilianos FC por uma bola a zero, num golo que surgiu apenas no último minuto da partida e teve a chancela de Fred. Foi também a primeira vitória de António Águia nesta sua segunda passagem por Regadas depois do empate moralizador que a equipa tinha conquistado em Antime, na semana anterior. 

A equipa regadense entrou na partida determinada e com sentido de baliza, daí que as oportunidades de golo tenham surgido naturalmente, mas pecaram sempre na finalização e Samu, Fred e Leandro podiam ter festejado o golo. A equipa fafense ainda se queixou de um golo mal anulado ao herói da partida, Fred. 

Depois do nulo ao intervalo a equipa orientada por António Águia voltou a entrar com vontade de regressar às vitórias mas apesar de criar as situações de golo, o toque final nunca tinha o êxito esperado. Neste período foram Rosita, Leandro e Fred a ter a oportunidade de marcar. 

Como quem espera sempre alcança, o Regadas acabou por chegar ao merecido golo da vitória. o central Fábio marcou um livre ainda atrás da linha do meio campo, fazendo abola pingar na área onde estava Fred a aproveitar a saída do guarda-redes para cabecear para a baliza, estando de costas para a mesma. 

Este parece ter sido o Regadas dos bons velhos tempos,a acreditar sempre que era possível e a nunca desistir em momento nenhum do jogo. Foi a persistência e a vontade de vencer que deu frutos. 

GCD REGADAS; Rui Sampaio; Marco André (Tiago), Sobrança, Fábio, Rosita, Samu (Diogo), João, Buga, Lenadro, Nelinho (Flávio) e Fred. Treinador, António Águia.

Futebol Veteranos: GD Oliveira do Castelo, 2 - UD Fafe A60, 2

Futebol Popular (AMAF): Resultados 5.ª Jornada



Lesão de Luís Paulo aos nove segundos de jogo assustou

Texto: João Carlos Lopes / Foto: DR

Na partida contra o Contacto Futsal

O jogador do Grupo Nun'Álvares/IesFafe, Luís Paulo chegou a preocupar toda a a comunidade Nun'Álvarista quando se lesionou aos nove segundos de jogo, em Cabeceiras de Basto, onde os Condestáveis se deslocaram para defrontar a formação do Contacto Futsal, numa partida que a equipa de Basto venceu por 5-2.

Depois de imobilizada a perna esquerda ainda no local, o atleta foi transportado de ambulância ao Hospital do Alto Ave, em Guimarães, onde foram lhe foram efetuados exames complementares, não se confirmando a suspeita de fractura, o que deixou toda a equipa e o próprio atleta aliviados. Apenas foi diagnosticada uma entorse que o jogador terá que debelar nos próximos tempos para voltar à competição.

Juniores - 2.ª Div. Nac.: AD Fafe, 2 - GD Bragança,1 (Vontade e crer)

Texto e foto (arquivo): João Carlos Lopes 


Fazer energia da
adversidade 

Volvidas algumas semanas, o Fafe voltou a jogar em casa perante os seus adeptos, tendo vencido o GD Bragança por 2-1, mantendo o 2.º lugar, com os mesmos pontos do 3.º Merelinense e a cinco pontos do líder, CD Aves que tem 29 pontos e mais um jogo disputado. 

Os fafenses começaram desde cedo a mostrar que estavam ali para ganhar e Chico na cara do guarda redes acabou por chutar contra o mesmo. Alguns minutos depois, cruzamento na esquerda e Muna apareceu solto na direita mas atirou ao lado. 

À passagem da meia hora, Rafa ganhou a bola ao central e já dentro da área rematou cruzado e o defesa com um subtil toque desvia para o poste e a bola caprichosamente acaba por sair. 

Após tantas oportunidades O Bragança começou a acreditar e teve uma boa oportunidade em que o extremo apareceu isolado na cara de Joel que fez muito bem a mancha e evitou o golo. 
A segunda parte iniciou-se praticamente com o golo do Bragança em que, após cruzamento na esquerda, o avançado encostou na baliza fafense. 

A partir do golo da vantagem o Bragança não quis mais jogar mas sim passar o tempo. O Fafe foi tentando e a um quarto de hora do final Sousa com uma assistência fantástica de calcanhar isolou Henrique que não perdoou e fez a igualdade. 

A equipa orientada pelo Professor Ivo Castro foi carregado mas a cinco minutos do final sofreu uma grande contrariedade com a expulsão de Sousa por duplo amarelo, depois de uma primeira situação onde nem foi o jogador que fez a falta mas sim outro e na segunda uma falta que deixa muitas dúvidas se é justificado o cartão, um erro que impede assim o atleta de poder estar no próximo jogo. 

Porém, nem assim o Fafe desistiu e quando faltava um minuto, Rafa isolou-se mas foi derrubado pelo defesa em que apenas foi mostrado o cartão amarelo. Livre à entrada da área e chamado a converter, Chico rematou em jeito e fez um grande golo que deu a vitória justa à sua equipa. 

O próximo jogo é de novo em casa frente ao Vizela, a única equipa que venceu esta equipa fafense esta época.

sábado, 3 de dezembro de 2016

Futsal AF Braga: AD Fafe/ACR Fornelos, 8 - Rio Caldo, 1

Redacção/AD Fafe | Foto (arquivo): RJC

Goleada e regresso aos triunfos

A equipa da AD Fafe/ACR Fornelos entrou nesta oitava jornada com o objetivo de regressar às vitórias após o 2-0 da semana passada na deslocação a Lordelo. Conseguiu fazê-lo e em grande estilo, conseguindo estabelecer um marcador final de 8-1 frente ao GCDR Rio Caldo no Pavilhão de Fornelos onde foi bem audível o apoio aos Justiceiros por parte do grupo de adeptos Fighters Boys.

Os visitantes começaram o jogo com a estratégia clara de explorarem principalmente o corredor central, na esperança de irem destabilizando os fafenses. Tal não aconteceu e, aos quatro minutos, Gijo inaugurou o marcador após canto, fazendo uma simulação sobre o adversário e conduzindo para o corredor central, finalizando com um remate fora da área. A maré estava assim estabelecida, com a AD Fafe a controlar o que se passava dentro das quatro linhas. João tem uma boa oportunidade de golo, seguida por outra situação proveitosa por parte de David, que falhou a emenda na bola colocada por Domingos. Aos seis minutos João tem o seu momento, ou melhor, momentos, quando após um canto remata com bastante força à barra da baliza adversária e, na jogada seguinte, consegue concretizar o golo. Viria a bisar 20 segundos depois, na sequência de uma transição rápida de dois para um. 

Por esta altura o Rio Caldo conseguiu o seu primeiro canto mas pouco perigo criou para os anfitriões. O resto da primeira parte poucas mudanças trouxe para a dinâmica do jogo, com a AD Fafe a conseguir fazer várias combinações e estando assim mais perto do quarto golo. Tal viria a acontecer quando, ao finalizar uma jogada que ele próprio iniciou, David garantiu entrada na lista dos que marcaram neste jogo. Ricardo também o fez, João voltou a aproveitar para acrescentar mais um golo para o seu histórico e David ainda bisou. Shake podia ainda ter aumentado a diferença no marcador mas atirou ao lado. Depois de uma primeira parte em que o domínio fafense não podia ser mais expressivo, ainda houve lugar para o oitavo golo, marcado por David. 

No final do jogo surgiu o único golo do Rio Caldo, resultado de um passe errado. Estava assim concluído mais um jogo, com a superioridade em jogo da AD Fafe/ACR Fornelos a ficar bem evidente e a valer assim mais três pontos.

Este jogo também serviu para ajudar Delfim Sepúlveda, um fafense de gema com história na AD Fafe que precisa de uma cadeira de rodas nova.

5 Inicial: Teixeira, Gijo, Domingos, David, João Miguel
Jogaram ainda: Rafa, Vitinha, Ricardo, Shake, Taipas

Pró-Nacional AF Braga: Arões SC, 2 - AD Esposende, 0

Texto e foto: Ricardo Jorge Castro

Hugo Dias e Sebá no regresso às vitórias

O Arões quebrou uma série de seis jogos sem vencer e voltou aos triunfos na Pró-Nacional, ao bater o Esposende, por duas bolas a zero. Hugo Dias, na primeira parte e Sebá, já em tempo de compensação, fizeram o resultado do encontro.

O primeiro golo surgiu à passagem do minuto 39, num livre direto apontado por Hugo Dias. O guardião visitante, Stray, ainda tocou na bola, mas de forma insuficiente para evitar o primeiro golo, que justificou o aval atacante dos da casa no primeiro tempo. Antes do intervalo, o Esposende ficou reduzido a dez. Miguel viu o vermelho direto, por alegada agressão nas costas a Fausto.

No segundo tempo, mesmo com dez, a equipa do Esposende procurou sempre o empate e dispôs de várias ocasiões para marcar. Zé Fernandes, atento, manteve a vantagem aronense. Do outro lado, o Arões também podia ter aumentado a vantagem, nomeadamente por Barbosa (57'), mas o cabeceamento saiu a rasar o poste. Aos 69 minutos, Hugo Dias tentou uma habilidade, picou a bola por Stray, mas viu um defesa cortar perto da linha de baliza.

Aos 84 minutos, o Esposende ficou a pedir uma grande penalidade na área aronense por mão na bola, lance que o árbitro não atendeu. No minuto seguinte, Serra viu o vermelho direto, por palavras ao árbitro da partida. O golo da tranquilidade do Arões surgiu no segundo minuto de compensação. Sebá surgiu isolado pela esquerda, driblou Stray à saída da área e rematou para o fundo da baliza perante dois contrários.

Na próxima jornada, o Arões desloca-se a Vieira do Minho, para jogar com o Vieira SC, de Miguel Paredes.

Andebol - 1.ª Div. Nac.: AC Fafe, 27 - SC Horta, 21 (indiscutível)

Texto e foto: Ricardo Jorge Castro

Aliar resultado a exibição categórica

O Andebol Clube de Fafe recebeu e venceu o Sporting da Horta por 27-21, somando a segunda vitória consecutiva no campeonato, após o êxito no reduto do Boa Hora, no último fim-de-semana.

Jogo equilibrado na primeira parte, como espelharia o empate a 12 golos ao intervalo. Os fafenses entraram a marcar, viram-se a perder por três golos a meio da primeira parte (6-9), mas recuperaram progressivamente, igualando mesmo em cima do minuto 30, por Nuno Pimenta.

No segundo tempo, a equipa de José António Silva - melhor organizada a nível defensivo - e com grande eficácia no ataque, assumiu o comando do marcador desde o reatamento e foi aumentando a vantagem. De muito valeu a mão goleadora de Belmiro Alves, autor de nove golos, e de Vasco Santos, que apontou oito, numa exibição coletiva de grande nível na segunda parte, que justificou a vitória dos fafenses.

O guardião fafense Nuno Silva alinhou nos 60 minutos pelo SC Horta.

Na próxima quinta-feira, o AC Fafe desloca-se ao Pavilhão Flávio Sá Leite, para jogar com o ABC, atual campeão nacional.

Futebol Popular (AMAF): GD Serafão, 3 - Os Amigos de Quinchães, 2

Redação 


Xavi bisou na Chafarica

A Chafarica recebeu pela segunda vez os Amigos de Quinchães desta vez a contar para a 5a jornada do Campeonato. 

Um início de jogo intenso com muita luta a meio campo mas sem grande perigo junto das balizas. 

O GDC Serafão foi crescendo ao longo da primeira parte chegando ao golo perto do intervalo através de um grande penalidade convertida por Tiago Pinheira. 

O muito público presente no campo da Chafarica assistiu a uma grande segunda parte de futebol de ambas as equipas sendo que o GDC Serafão chegou ao 2 a 0 por intermédio de Xavi, porém a bola foi ao centro do terreno e numa bola bombeada para a área da equipa da casa os Amigos reduziram. 

Já perto do final da partida, a equipa visitante chegou mesmo à igualdade através de um grande golo. 

Em cima do apito final, fez-se justiça no resultado com Xavi a bisar na partida e a fixar resultado em 3-2 a favor da equipa da casa.

Futebol Popular (AMAF): Ases S. Jorge, 4 - ADCR Santa Cristina, 1

Redacção 

Ases com os trunfos do costume 

O Desportivo Ases de S. Jorge recebeu e venceu a equipa do Agrupamento Sta. Cristina, por 4-1, em jogo a contar para a 5a jornada do campeonato popular de Fafe/Felgueiras. 

A equipa da casa entrou bastante forte na partida e logo no primeiro minuto de jogo, através de um pontapé de canto, Antunes remata com perigo por cima da baliza. 

Aos 14 min, os Ases chegam ao golo, após uma boa jogada de envolvimento, Miccoli assiste Liedson, que fora da área num remate de belo efeito a fazer o primeiro da partida, 1-0. 

Aos 29 min, o Agrupamento Sta. Cristina chega ao golo do empate, através de um canto, Carlos após um ressalto, na cara do guardião Bruno a fazer o golo do empate. 

Ao intervalo verificava-se um empate, num jogo equilibrado com as duas equipas bem compostas. 

No início da segunda parte, aos 47 min, através de um livre cobrado por Rafinha, Antunes na área a encostar para o 2-1. 

Aos 50 min, o Sta. Cristina poderia ter chegado ao golo do empate com Rafa a rematar e Antunes em cima da linha de golo a fazer um corte precioso. 

Aos 60 min, Renato numa arrancada fulgurante pelo lado esquerdo, ultrapassa dois adversários e perante o guarda-redes João, a fazer o 3-1 para os da casa, numa jogada individual sensacional. 

Aos 64 min, num lance dividido entre Renato e Carlos, o árbitro marca falta a favor dos Ases e não satisfeito com a decisão o jogador do Sta. Cristina é expulso por protestos. 

Aos 70 min, o árbitro decide equilibrar a partida e após um lance disputado com maior intensidade, Mica recebe ordem de expulsão. 

Aos 85 min, os da casa num contra-ataque venenoso, Joneca com um remate fora da área a fazer o 4-1 final. 

Até ao fim existiu bastante equilíbrio, num bom jogo das duas equipas. 

Boa vitória para a equipa do Desportivo Ases de S. Jorge, que após os incidentes verificados na última semana, precisava urgentemente de retomar o caminho das vitórias, dando uma boa resposta no jogo de hoje. 

No próximo sábado, a equipa do Desportivo Ases S. Jorge desloca-se a Felgueiras para defrontar a equipa do Sousa a contar para a 3a jornada da fase de grupos da Taça dos Campeões.

quinta-feira, 1 de dezembro de 2016

Dérbi de Futsal concelhio prestou homenagem às vitimas do Chapecoense


Texto e fotos: João Carlos Lopes 

Porque a tragédia pode tocar a todos

Foi apenas um singelo minuto de silêncio mas foi respeitado e sentido por todos os intervenientes no jogo de Futsal para a 2.ª Eliminatória da Taça AF de Braga entre o Clube de Saúde Fafe e o Grupo Nun'Álvares/IESFafe, aqui retratado na imagem pelo cinco inicial das duas equipas. Desde equipa de arbitragem aos restantes elementos das equipas, passando pelo público na bancada, toda a gente respeitou este momento de homenagem às vítimas do acidente de aviação que praticamente dizimou a equipa brasileira do Chapecoense. De resto este jogo foi disputado sob o signo do respeito e do fair play entre os dois conjuntos, sem qualquer admoestação disciplinar.   

AGENDA DESPORTIVA DE FIM DE SEMANA



ANDEBOL NACIONAL 

ANDEBOL 1 

AC FAFE - SPORTING DA HORTA
Dia/Hora: Sábado, 3 de Dezembro – 18H00
Local: Pavilhão Municipal de Fafe

FUTEBOL NACIONAL 


Ledman LigaPro

AD FAFE - FC VIZELA
Dia/Hora: Segunda-feira, 5 Dezembro – 20H30
Local: Estádio Dr. Machado de Matos, Felgueiras 

Juniores - 2.ª Divisão Nacional

AD FAFE - GD BRAGANÇA 
Dia/Hora: Sábado, 3 Dezembro – 15H00
Local: Campo n.º 2 do Parque Municipal de Desportos

FUTEBOL DISTRITAL 

Campeonato Pró-Nacional 

ARÕES SC - AD ESPOSENDE 
Dia/Hora: Sábado, 3 Dezembro – 15H00
Local: Campo de Jogos CFJ Arões, Fafe.

Divisão de Honra 

OPERÁRIO FC - ACD PICA
Dia/Hora: Domingo, 4 Dezembro – 15H00
Local: Campo de Jogos do Operário, Mões, Famalicão 

DESPORTIVO DE RONFE - OFC ANTIME 
Dia/Hora: Domingo, 4 Dezembro – 15H00
Local: Campo de Jogos do Desportivo de Ronfe

EMILIANOS FC - GCD REGADAS
Dia/Hora: Sábado, 3 Dezembro – 15H00
Local: Campo do Pardão, Santo Emilião, Póvoa de Lanhoso. 


1.ª Divisão AF Braga

ARCO DE BAÚLHE - GD SILVARES
Dia/Hora: Domingo, 4 Dezembro – 15H00
Local: Campo n.º 2 de Morgade, Arco Baúlhe, Cabeceiras Basto. 

GDC MOSTEIRO - GDCR FAREJA
Dia/Hora: Domingo, 4 Dezembro – 15H00
Local: Campo Paroquial de Mosteiro, Vieira do Minho.


FUTSAL DISTRITAL MASCULINO

1.ª Div. AF Braga - AF Braga

CONTACTO FUTSAL - NUN'ÁLVARES/IESFAFE
Dia/Hora: Sábado, 3 Dezembro – 18H30
Local: Pavilhão Municipal de Refojos, Cabeceiras de Basto.

AD FAFE/ACR FORNELOS - GCDR RIO CALDO
Dia/Hora: Sábado, 3 Dezembro – 17H30
Local: Pavilhão de Fornelos, Fafe 

FUTSAL DISTRITAL FEMININO

Campeonato Distrital da 1.ª Divisão

NUN'ÁLVARES/IESFAFE - SC MARIA DA FONTE
Dia/Hora: Sábado, 3 Dezembro – 20H00
Local: Pavilhão do Grupo Nun'Álvares, Fafe

CLUBE SAÚDE FAFE - GD PEDRALVA
Dia/Hora: Domingo, 4 Dezembro – 20H00
Local: Pavilhão Multiusos de Fafe


FUTEBOL VETERANOS 

Liga Interplanetária da Amizade 

OLIVEIRA DO CASTELO - UD FAFE A60
Dia/Hora: Sábado, 3 Dezembro – 18H00
Local: Campo de Jogos de Tabuadelo, Guimarães.

FUTEBOL POPULAR / FUTSAL CONCELHIO / LIGA DE FUTSAL JUVENIL 

INFORME-SE AQUI